As pessoas normais não entendem bem o que eu faço.

Como explicar o que é 3D, para que serve e como funciona?

- Com que você trabalha?

- Sou ilustrador 3D.

- Ah…. legal.

Dois problemas: o primeiro, ser “ilustrador”. Todo mundo automaticamente me vê como um cara que desenha muito bem. E, apesar de ter uma mínima intimidade com lápis e papel, não me considero nem de longe um bom desenhista.

O segundo problema: o “3D”. As pessoas normais tendem a associar essa palavra com animações da Pixar, especialmente as que você usa óculos para assistir, ou com estereogramas (aquelas imagens de ilusão de ótica que você precisa fixar a vista para enxergar).

Então fico imaginando que as pessoas pensam que eu trabalho desenhando para a Pixar, daí o “Que legal!”.

Bem que eu gostaria mas, infelizmente, não é assim.

Então explica, por favor: como funciona o 3D?

É muito simples: o processo é parecido com uma escultura.

Partimos sempre de uma referência, que pode ser uma foto, um rabisco, uma ideia.

Modelamos o objeto em 3D, o que significa que lapidamos suas formas, com altura, largura e profundidade.

Depois disso, criamos e aplicamos texturas, que são os revestimentos ou o material de que é feito o objeto.

O próximo passo é trabalhar a iluminação: intensidade, pontos de luz, reflexos.

E, para finalizar, renderizamos, o que quer dizer que o computador calcula tudo isso e nos dá uma imagem final.

Essa imagem pode ser realista, hiper realista, ilustração, enfim, depende da referência inicial que combinamos.

Tá, e por quê devo usar 3D e não uma fotografia, que traz exatamente o mesmo resultado?

Depende.

Se você é de agência…

…eu diria que a foto serve muitíssimo bem, desde que a coisa que você queira fotografar exista. Ou, ainda, que você não precise imprimir a imagem em um painel gigante com 300 dpi. Ou que a imagem não seja para uma concorrência que você precisa entregar amanhã.

Se você ainda não usa imagens 3D, acredite, isso vai mudar sua vida: veja como o 3D pode ser útil em ilustrações publicitárias, aplicações de campanhas PDV e ambientes diversos.

Se você é cliente…

…saiba que o 3D pode trazer resultados idênticos ou melhores que uma foto, com a vantagem de ser mais rápido e muito mais barato do que pagar o protótipo do produto, o aluguel do estúdio, os honorários de um fotógrafo e sua equipe, e as horas de tratamento de imagem.

Se você ainda não usa imagens 3D, acredite, isso vai mudar sua vida: veja alguns mockups de produto, personagens e perspectivas para arquitetura.

Se você é uma pessoa normal…

…saiba que isso não vai mudar nada na sua vida.

Mas se você entendeu como funciona meu trabalho, acredite: vai mudar muito na minha.

:)

Igor Alexandroff.